coisas da vida · Não esqueci e nem vou esquecer

Fora da linha

Tudo o que gostaria de dizer já foi dito e tudo o que queria ser, se perdeu. Me perdi ao olhar as estrelas. Me perdi sem medidas em cada plano meu. Confesso ter me perdido quando pensei que pudesse encontrar alguém que me compreendesse e, ainda mais, alguém que fosse capaz de me decifrar sem paradigmas.

O quê posso fazer se não tenho nada sobre controle? Quando nada mais restar, inclusive a esperança, apenas dê graças porque este gesto pode ser feito por você, pode ser feito por cada um de nós. Não espere amanhecer para se alimentar de coragem e força, podemos fazer isso enquanto respiramos.

Alguns dias ficaram para trás mais percebo que mesmo assim, sou imperfeita; não considero de todo ruim, pois isso quer dizer que posso continuar tentando mais uma vez e mais uma, até que por fim, não haja tanto de mim; tanto das minhas manias, tanto dos meus medos, tanto e tanto de todos e, tanto e tanto de nada.

Sei que se fechasse os olhos, seria fácil demais, afinal, enfrentar monstros todos os dias cansa não?! Quando a gente fecha os olhos, as coisas mudam, aliás, muitas coisas mudam. Você pode imaginar o desfecho de certas circunstâncias  como quiser e não como muitas vezes acontece de ver, mesmo sem querer. Vou fechar os olhos para ouvir meu coração, ficar atenta a minha respiração e para não deixar de sonhar. Portanto saiba, os sonhos veem quando fechamos os olhos.

Anúncios

2 comentários em “Fora da linha

  1. Se perder faz parte de um processo de aprendizado que a vida “duramente” nos ensina. Menina, não perca a confiança e a esperança em si ou nos seus sonhos. Viver, perder e sofrer é o processo para que possamos crescer. Parabéns pelos textos!

    Curtir

    1. Uau! Obrigada Ricardo e sei bem como é este “duramente”.Se desse para pular este processo, confesso que seria divino, mas não, o divino mesmo é aprender com as dificuldades. Esse texto resume um pouco https://anafigueredo.wordpress.com/2012/03/27/1129/
      De vez em quando, é normal que a gente vacile e tenha dúvidas a respeito de alguns sonhos, natural. Mais ainda acredito que se este for um sonho meu, e não algo “plantado” pelas circunstâncias, seja elas quais forem, o sonho não esvanece, pelo contrário, fica mais forte a cada dia. É por isso que ainda ouso continuar tentando.
      Gostei muito do seu comentário e volte mais vezes. Sinta-se a vontade.

      Curtir

O que achou? Se gostou, compartilha.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s